…é preciso ser pai.

O ideal do ser humano é chegar à velhice feliz, rodeado de seus filhos, netos e bisnetos.

O salmo 128 nos dá um retrato dessa realidade que, infelizmente, é bem rara em nossos dias. O salmista  diz: “e verás os filhos de teus filhos” (v. 6a). Que é isto, senão um avô em sua chamada feliz idade?

A felicidade começa com o próprio ser humano. Desde os jovens antes do casamento. “Aquele que teme ao Senhor”.

“Andar em seus caminhos” é viver em conformidade com o que Deus determinou. A formação do lar deve ser ajustada a partir dos princípios daquele que instituiu a família.

“Pois comerás do trabalho de tuas mãos; feliz serás e te irá bem.” O trabalho é o processo pelo qual o ser humano consegue recursos para o seu bem-estar; e manter-se bem; é uma terapia ocupacional que mantém o equilíbrio físico e emocional

Conclui-se que para ser um avô bem sucedido e feliz, ele precisou ser um pai temente a Deus e trabalhador.

“Eis que assim será abençoado o homem que teme ao Senhor” (v. 4). O tempo passa e os últimos anos chegam. Os filhos já terão crescido e formado suas famílias. É tempo de usufruir o que plantou.

Para isso o pai de família terá comportamentos que a Bíblia apresenta. Vamos a alguns deles.

1 – Ele reconhece que os filhos são herança de Deus. – (Sl 127.3).

2 – Ele ama sua esposa e filhos – (Ef 5.25,26; 6.4).

3 – Ele lhes ensina o temor de Deus – (Pv 4,1-4)

4 – Ele lhes conta as obras maravilhosas de Deus – (Ex 10.2 e 13.14).

5. – Ele lhes ensina a obediência e submissão a Deus – (Ef 6.4b).

6 – Ele os instrui na Lei de Deus – (Ex 12.26,27).

7 – Ele ora por seus filhos e com eles – (1Cr 29.19; Jó 1.5).

Uma palavra para você jovem. – Antes de ser avô é preciso ser pai, tem a ver com a juventude. A mocidade é a época das decisões e uma escolha importantíssima é a do cônjuge. Deus o abençoe!

Para ser feliz tudo começa com o temor do Senhor. Seja um homem feliz, um pai abençoado e alcance a felicidade de ser também um avô feliz.

por: João Reinaldo Purin

Pastor de Pastores