Nossas famílias precisam da Graça de Deus e Jesus é a expressão dessa graça. Quando desfrutamos da Graça do Senhor, nossa vida muda radicalmente; passamos a viver para a Glória de Deus e assim buscamos estar no centro de Sua vontade. Nossas famílias precisam de Jesus para que possam viver em paz. O próprio Senhor Jesus disse assim: “Eis

que estou a porta e bato” (Ap 3.20). Sempre usamos esse verso no contexto evangelístico, mas esse texto, em seu contexto, está relacionado à Igreja do Senhor. Jesus estava fora da Igreja. Que absurdo! Como pode uma Igreja deixar Jesus do lado de fora? Esse mesmo absurdo é visto com as famílias. Deus planejou, formou e constituiu a família a partir do casamento e enviou Jesus para remir nossa vida, a fim de que as famílias fossem alinhadas à vontade de Deus. A realidade é que Jesus encontra-se do lado de fora de muitas famílias e, por isso, muitas estão em frangalhos. É triste, mas a forma como as elas administram o dinheiro e buscam o prazer que o mesmo oferece, revela que Jesus está do lado de fora da família. É triste, mas a forma como nos envolvemos e nos viciamos com os aparelhos tecnológicos em detrimento da ênfase nas relações humanas mostra que Jesus está do lado de fora de muitas famílias. É preciso ouvir Jesus, o Bom Pastor, batendo à porta e buscando um espaço para entrar e retirar os valores do diabo e instaurar os valores e princípios do Reino de Deus. Jesus, insistentemente bate à porta da família, para poder entrar e reinar no seio familiar. Jesus deseja reinar e governar nossas famílias. Jesus bate à porta desejoso para entrar e cear com nossas famílias, ou seja, Jesus quer ter comunhão com nossas famílias. Jesus está a porta e, por vezes, esse é o local aonde deixamos o Mestre. Muitas pessoas até ouvem as batidas, muitas famílias sentem a necessidade, muitas sabem que a presença de Jesus será o melhor remédio, mas não são capazes de abrir a porta. Quando optamos em deixar a porta da nossa família fechada para Jesus, padecemos e não gozamos da verdadeira paz e felicidade. Pare tudo, ouça as batidas na porta. Vá até ela, abra. Deixe Jesus entrar, reinar e transformar e cuidar da sua família!