A presença de um medo exacerbado tem impedido muitas pessoas de tomarem decisões importantes; tem impedido os seus avanços diante dos grandes desafios; tem impedido de alcançarem os seus alvos estabelecidos. Essas pessoas depois de perambularem de terapeuta em terapeuta, de utilizarem os mais variados medicamentos possíveis, algumas vezes sem sucesso, acabam vivendo tristes, insatisfeitas, totalmente frustradas por não conseguirem êxito, por não poderem se libertar desta realidade cruel que lhes rouba o desejo de viver.

O medo em dosagens normais é necessário para a autoproteção dos seres humanos, porém, em níveis elevados é extremamente danoso para o homem, chegando ao ponto de deixá-lo inerte, paralisado e infeliz.

A expressão “não temas” aparece inúmeras vezes na Bíblia e, talvez, neste exato momento, seja a grande oportunidade de meditarmos um pouco mais nesta frase que não é uma mera expressão humana, mas uma Palavra do próprio Deus, que, pela fé, nos remeterá a cura dos nossos maiores medos.

Josué tinha uma grande peleja pela frente, substituir o grande Moisés e conduzir aquela multidão à Terra Prometida. Os seus joelhos devem ter ficado trôpegos diante de tal realidade. Na sua mente, possivelmente começaram a surgir os fantasmas do medo; então a Palavra de Deus para ele foi: “Josué não temas, pois Eu sou contigo por onde quer que andares” (Js 1.9). Essa palavra adentrou como uma flecha afiada em sua mente, destruindo de uma vez por todas aqueles pensamentos fantasmagóricos. Josué venceu os seus medos e prosseguiu em direção ao propósito de Deus para a sua vida.

Em outra ocasião, Deus manda uma mensagem encorajadora para todo o povo que Ele havia escolhido. O profeta Isaías, sempre obe- diente, retransmite esta palavra ao povo dizendo: “Não temas, porque Eu sou contigo; não te assombres, porque Eu sou o teu Deus; Eu te fortaleço, e te ajudo, e te sustento com a minha destra fiel” (Is 41.10).

Hoje, eu e você somos o Israel de Deus e esta palavra continua com a eficácia de sempre, transformando estagnados em empreendedores, fracos em fortes, medrosos em valentes, vencidos em vencedores. Creiamos nisto, pois a garantia de ter Deus ao nosso lado é tudo o que precisamos para seguirmos em frente, vencermos os nossos maiores medos. Ainda que tenhamos que atravessar pelo vale da sombra da morte não temeremos mal algum, pois Cristo está conosco, como está escrito em Salmo 23.4.

Juvenal M. de Oliveira Netto, 2o coordenador da Escola Bíblica Dominical da Primeira Igreja Batista de São Pedro da Aldeia – RJ