A Pastoral Carcerária Batista tem atuado nos presídios do Estado do Paraná há mais de 15 anos. Neste ano, firmamos uma parceria com a Convenção Batista Paranaense, onde teremos um missionário em tempo integral para o trabalho específico com presídios.

O projeto Pastoral Carcerária Batista, seus missionários e seus voluntários têm levado a Palavra por meio de cultos regulares nas uni- dades prisionais. Também têm sido realizados estudos bíblicos, discipulados e até mesmo batismos. Nosso objetivo é estabelecer uma igreja dentro de cada unidade do Estado, fazendo Jesus conhecido, bem como ter um seminarista e criar uma liderança cristã lá dentro das unidades. Sonhamos com pavilhões exclusivos para evangélicos.

O trabalho da Pastoral Carcerária Batista não termina dentro das paredes e grades do presídio. O seu braço continua estendido aqui fora, onde as necessidades de fato são vistas, pois é no momento da saída do sistema carcerário que as dificuldades aparecem. Temos falta de qualificação e de oportunidades de trabalho, além da falta de moradias. Sendo assim, buscamos encaminhar essas pessoas para o convívio nas nossas igrejas locais, onde poderão ser acolhidas e cuidadas. Hoje já aconteceram os discipulados e batismos de pesso- as que saíram do sistema e caminham conosco há um certo tempo.

Para as pessoas que estão saindo das unidades e têm uma casa ou conseguem locar uma, a Pastoral Carcerária Batista ajuda a mo- biliar a casa e, em parceria com as Igrejas Batistas locais, manter estas famílias com a doação de cestas básicas e roupas, entre outras necessidades. Para as mulheres que não têm para onde ir, temos um desafio neste ano de 2014. O projeto é ter uma casa de passagem, que receberá o nome “Reconstruindo Sonhos”. O objetivo é que as mulheres morem nessa casa pelo período de 30 meses, até se es- tabilizarem e poderem seguir suas vidas sem necessidade de voltar para o mundo do crime ou de se prostituírem para ter o que comer e onde dormir.

O trabalho da Pastoral Carcerária Batista, seja dentro ou fora dos presídios, precisa o apoio da igreja. Venha fazer parte desse projeto. Entre em contato pelo e-mail abaixo e saiba como nos ajudar.

Fabiano Pires Martins

Missionário e Capelão Craf e Pcef

Siga a CBP!